quarta-feira, 14 de julho de 2010

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Abecedário concorrendo ao Prêmio...





Release da VINDA DE CLAUDIO WILLER À PORTO ALEGRE, COM O APOIO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UFRGS E DA LIVRARIA PALAVRARIA.

1) No dia 16 de abril de 2010, às 14 horas, na sala 703 da Faculdade de Educação, CLAUDIO WILLER participará da Sessão de Defesa da Proposta de Tese de Cristiano Bedin da Costa, intitulada PROGRAMA FANTE EXPERIMENTAÇÃO BIOGRAFEMÁTICA DE UM CORPO ESTRANGEIRO, juntamente com os professores Paola Zordan (UFRGS) e Gabriel Sausen Feil (UNIPAMPA).

2) Às 19 horas do mesmo dia 16 de abril, na livraria Palavraria (Vasco da Gama 16, http://palavraria.wordpress.com/), acontecerá palestra de CLAUDIO WILLER, intitulada GERAÇÃO BEAT: MISTICISMO E GNOSE seguida do lançamento de seu último livro “GERAÇÃO BEAT”, editado pela L&PM Pocket.


Resumo do livro

Geração Beat: Movimento literário, vanguarda artística com ramificações na música e na fotografia, a geração beat foi um sopro de ar fresco na cultura norte-americana dos anos 50. Manifestou-se por meio de um grupo de jovens escritores que extrapolaram a arte e a vida transformando-as numa explosão criativa, embalada pelo êxtase das drogas, em busca de experiências transcendentais. O companheirismo de Jack Kerouac, Allen Ginsberg, Willian Burroughs, Neal Cassady, Gregory Corso, Lawrence Ferlinghetti, Carl Solomon, entre muitos outros, deu origem a uma das mais originais manifestações culturais de meados do século XX, que até hoje surpreende e fascina leitores de todo o mundo.

Acompanhe os acontecimentos do DIF/BOP em http://www.fantasiasescritura.blogspot.com/

Resenha na Revista Nova Escola!

Resenha do livro "Abecedário - educação da diferença"


Separado por verbetes, o livro apresenta textos de diversos autores sobre áreas relacionadas ao universo educacional, como a inclusão escolar e o currículo. A organização é dos especialistas Julio Groppa Aquino e Sandra Mara Corazza. Para acompanhar essa variedade, o estilo dos textos vai desde a argumentação acadêmica até a poesia. Destaque A forma de edição, que trata cada um dos artigos como um ensaio. Abecedário - Educação da Diferença, Julio Groppa Aquino e Sandra Mara Corazza (orgs.), 224 págs., Ed. Papirus, tel. (19) 3272-4500